Boston, o pedigree dos EUA

IMG_4973-photo

Gente, Boston é chique!

Os moradores são chiques, os universitários são chiques, a arquitetura é chique, tudo é chique demais na cidade.
Obviamente que essa foi a minha impressão pessoal. Minha filha morou em Boston por um tempo (eu só visitei) e não sei se ela concordaria com a minha impressão, mas, pra mim, ficou bem claro que em Boston os americanos se sentem mais orgulhosos de serem americanos e curtem as tradições da região que praticamente colonizou o país.

_MG_2821

A rica história americana começou na região chamada de Nova Inglaterra e muitas das tradições, guerras e conquistas começaram lá então, eles têm razão de serem orgulhosos.

IMG_5051-photo-full

Eu tenho uma ideia diferente da maioria dos brasileiros sobre os EUA: tenho “inveja” deles. Tenho inveja da organização, da civilidade, da educação, da democracia, do patriotismo, da riqueza e das oportunidades. Penso que eles têm razão em se orgulhar do país em que nasceram e eu queria muito ter nascido lá para ter esse orgulho, mas como não nasci, digo que tenho raiva da presunção deles, mas de verdade mesmo, tenho inveja. Sei que eles não são perfeitos e tem muitos problemas, mas quem não os tem, não é?
Então, agora que já “confessei” minha inveja dos americanos, falta dizer que obviamente eu queria muito conhecer Boston, onde os americanos são mais americanos!

IMG_4985-photo-full

A cidade não me decepcionou! É tudo aquilo que eu esperava e mais ainda. Eu não imaginava por exemplo, uma cidade tão grande. Pensava que Boston era um pouco provinciana, e ela até tem um “ar de interior”, mas é enorme! E bonita! Boston fica no litoral, e tem uma estreita e harmoniosa relação com o mar!

IMG_5045

Logo, além dos campus famosos, a cidade ainda tem parques, centros urbanos modernos, estádios movimentados, um litoral deslumbrante, pontes românticas e muita história.

IMG_5011-photo

Boston foi fundada por ingleses em 1630 e tornou-se o principal centro cultural da América Anglo-Saxônica. Os britânicos retiraram-se da cidade em 1776 depois de várias revoltas, mas deixaram um legado de tradições, educação superior e um porto que era o importante dos EUA.
Depois de um tempo a cidade perdeu o “posto” do maior porto dos EUA como resultado de um enorme aterramento marítimo que proporcionou à cidade uma área maior para seu crescimento vertiginoso.

IMG_5020-photo-full

Durante a guerra civil, Boston foi um centro do movimento abolicionista e seu importante papel da revolução americana é um dos destaques na Freedom Trail, um percurso a pé de 4 km por locais que contam a história da fundação da Nação que em uma das paradas tem uma antiga casa de reuniões, a Faneuil Hall que remete o viajante ao filme “O Patriota” com Mel Gibson, lembra?
Enfim, se os americanos têm motivos pra se orgulharem, os habitantes de Boston têm mais ainda. Eles são a essência da história americana.

IMG_2772

Mas não posso dizer que me senti “acolhida” na cidade. Infelizmente, esse foi meu sentimento. Claro que Boston sendo uma cidade grande não poderia passar a sensação de lar, mas além disso, tem um jeito de “somos assim porque construímos esse país e a você cabe nos admirar”. Mais ou menos assim. Sorry.
Mas independente de sentimentos, Boston é incrivelmente linda e interessante e vale muito à pena conhece-la.
No próximo post, vamos falar das atrações que mais curti na cidade.
Bye!

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s