Kagoshima, uma japonesa encantadora!

XYZeXYZe4600_1680

Kagoshima é uma das poucas cidades do interior do Japão que tive o prazer de conhecer. Mas quando falamos em “interior do Japão”, não quer dizer absolutamente uma cidade de poucos recursos, claro. O país é muito moderno e até as “cidades do interior” tem mais recursos que a maioria das nossas capitais.

0e9f9316-e936-49d8-843b-55fc60265562

Kagoshima não é grande, tem pouco mais de 600 mil habitantes, mas embora seja muito moderna e pulsante, guarda aquele ar de interior, onde a vida passa mais lenta. Você encontra vários Toris ( os portões xintoístas) pela cidade que lhe dão a certeza de estar adentrando num mundo com uma cultura muito diferente.
Kagoshima é a capital da província de Kagoshima que por sua vez fica na ilha de Kyushu. A cidade é banhada pela baia de Kagoshima, e a proximidade com o mar, tornou-a um porto importante, que até teve um papel importante na segunda guerra.
Pra mim, foi somente uma parada no cruzeiro pelo oriente, mas confesso que gostaria de ter tido mais tempo para desfruta-la.

dsimg.wowjpn.goo.ne.jp
A província, abriga uma cadeia de vulcões ativos e adormecidos, inclusive o grande Sakurajima que se eleva ao lado oposto da cidade, na baia de Kagoshima.
O Sakurajima é um dos vulcões mais ativos do Japão, que já teve duas grandes erupções, em 1914 e 1960, e ainda hoje está em movimentação constante que pode ser observada pela fumacinha saindo dele permanentemente.

8209e330-f94c-41c3-9882-66e778d5cb5a

Fomos à um de parque no alto da cidade, o Mt Shiroyama onde é possível nos dias abertos avistar o Sakurajima. O Parque, além de uma natureza exuberante, leva a um museu e restos da muralha de um castelo. Bem legal.

a4ba8c4c-4e4f-4562-919a-303781584cb6

 Fomos também conhecer o Segan-em, que é a imponente casa e jardim paisagístico de um dos mais poderosos clãs de samurais do Japão, o Shimadzu.  Os jardisn cobrem mais de 12 hectares e incluem lagoas calmantes, riachos borbulhantes, santuários misteriosos, salões de chá e bosque de bambu. E lojinha, of course.

Caminhar pelo jardim japonês é como entrar em outra dimensão. Mesmo cercada de turistas, mesmo com as lojinhas e todo o apelo turístico, se você se afastar um pouco ( isso é fácil lá) você consegue se imaginar na época dos samurais,  com toda aquela tradição, e serenidade tão características do país do sol nascente.

Depois desses passeios fomos levados ao centro comercial de Kagoshima, e gente, que surpresa! O centro comercial é enorme e com ruas cobertas onde você pode perambular entre as lojas tranquilamente. A gentileza dos comerciantes é desconcertante! Pra nós ocidentais, claro. Já contei em outros pots sobre o Japão, que é um país de delicadeza imensurável e talvez seja essa a característica que mais me apaixonou lá!

0355b465-8145-4897-bd16-a769b7734a17

Só pra ilustrar minha ideia, em um dado momento, estávamos atrás de uma casa de câmbio e ao perguntarmos para um guarda, ele saiu de onde estava, pra nos levar a tal casa de câmbio e nela, ao procurarmos por um banheiro, o funcionário atravessou a rua pra nos mostrar onde tinha um, incrível! Você fica até com medo de pedir as coisas, porque sabe que eles sairão do caminho deles pra lhe ajudar.  Isso é a gentileza do Japão.

Como já falei lá em cima, ficamos muito pouco tempo em Kagoshima, mas a encantadora cidade fez crescer em mim, o desejo de voltar ao Japão, com mais tempo para poder conhecer e desfrutar as outras cidade que com certeza são incríveis. Como os japoneses!
Bye!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s