Colmar, onde eu gostaria de morar!

fishmongers-district-colmar-1129x752.optimal

Pensando bem, acho que o frio seria demais pra mim!!!
Mas amigo leitor, se não fosse o inverno frio, acho que todo mundo gostaria de viver em Colmar! É uma cidade encantadora! No tamanho certo que parece cidade do interior mas com todos os recursos de cidade grande, Colmar parece que abraça a gente.

0b047cfe-d121-4910-997f-e35f192c50b0

A cidade tem turistas circulando e movimentando as ruas, principalmente na Little Venice  e no centro histórico, mas fora isso, é tudo calmo e organizado!
Tudo limpo, povo educado e simpático, lindos palacetes em ruas arborizadas, transito organizado…..não é o sonho de todos nós? Então, achei que viveria muito bem lá, exceto no inverno, porque faz bastante frio por lá!

b121bbf4-4aac-4198-b8a2-fe7391cf0d5f

Mas vamos às informações pertinentes: Colmar é uma comuna francesa na região da Alsacia, com perto de 70 mil habitantes. Historicamente, Colmar foi fundada no século IX e já pertenceu a Alemanha e Suécia antes de voltar à França no fim da segunda guerra.
Colmar sobreviveu a tudo e foi a última cidade francesa a ser liberada da ocupação alemã em 1945  mas todas essas dificuldades acrescentaram à cidade uma cultura rica e diversificada que encanta logo à primeira vista.

No centro histórico, a arquitetura é o destaque, com palacetes que tem nomes próprios como a Maison dês Tetes, a Maison Pfister e a casa Bartholdi que são muito fáceis de achar caminhando pela cidade. Elas tem uma arquitetura muito característica da Alsácia e são enormes. A igreja gótica San Martin, também é uma joia arquitetônica e fica bem no centro do bairro.

O programa imperdível lá, é caminhar sem pressa, entrando nas inúmeras lojinhas típicas de souverirs, “babando” das vitrines das lojas de doces, e claro, sentar num café, para “ver a vida passar” tomando minha bebida favorita!

41493d49-4ae9-488c-abd4-c87ef679fae7

A região da Little Venice está sempre lotada de turistas querendo fazer lindas fotos, e é muito lindinha mesmo, mas não é “ pra tanto”. São  pequenas ruas cortadas por canais  bucólicos, margeados por casinhas coloridas que formam um cenário idílico, muitas vezes com barquinhos  fazendo tours turísticos.

Vou explicar, porque não achei tão legal: a região é bem pequena, com pouquíssimos canais. Ao barquinhos que fazem tours, não passam de canoas, que dão um pequeno passeio, geralmente mais cheios do que seria recomendável, então amigo leitor, não me arrisquei. A Little Venice é bonita? Sim. Parece Veneza? Não, nem perto. Então vá conhecer porque vale à pena, mas não com muitas muitas expectativas, ok?

603b8011-46f2-4e97-926c-577336689581

No centro histórico não é permitido circular de carro, então minha dica é, fique em um hotel nas margens dele. De tal forma que você possa percorre-lo à pé, e curtir a cidade com calma.

680x510xColmar-3-1024x768.jpg.pagespeed.ic.NAjYMiQZp3

Na época do Natal, a cidade se transforma em um grande presépio e as fotos mostram uma magia incrível. Infelizmente nunca estive na região no inverno, e nem tenho planos pra isso. Mas assim como em muitas cidades da Alemanha e França, onde as feiras de Natal são muito comuns, Colmar tem uma das mais famosas e tradicionais feiras de Natal. Aliás, são muitas feiras espalhadas pelo centro histórico e marcadas no mapa turístico da cidade.  Então, se você viajar para a região no inverno, vale à pena colocar Colmar na sua rota.

d03-01

Colmar tem um Info turístico bem estruturado mas qualquer hotel tem disponível o mapinha do centro histórico  com todas as informações que você vai precisar, porque a cidade não é exatamente um “museu à céu aberto”, carregada de monumentos históricos, o “barato” de Colmar, é a cidade. Sua arquitetura típica da região, onde você esbarra em belezas inesperadas em cada esquina,  seu jeito interiorano, sua culinária deliciosa e ruas floridas.

4c1e912f-c476-4015-99a3-a986c8034939

Como não poderia deixar de ser honesta aqui, preciso contar que nós sentimos falta de uma  iluminação adequada a noite para fotos noturnas. Achamos que uma cidade tão turísticas com recantos tão cênicos, merecia uma iluminação que a valorizasse nas fotos noturnas.
Mas, honestamente? Isso não desmerece a cidade em nada! Colmar é uma tetéia, como se dizia antigamente, e foi uma delícia revê-la!

petite-venise-de-colmar-06-u00a9-french-moments

 Nós tínhamos conhecido a cidade em 1981 mas foi uma visita muito rápida e tal como aconteceu com outras cidades da Alsácia, Colmar deixou um “gostinho de quero mais” em nossos corações, que agora estão apaixonados pra sempre.
Bye!

2 comentários sobre “Colmar, onde eu gostaria de morar!

    1. Ola Jeff! Fico feliz que vc gostou do relato e da cidade! Realmente Colmar é tão encantadora que tive vontade de voltar e não me arrependi! Penso que seria uma bela opção pra morar pq é pequena, fica numa região linda e tem muitos recursos. Mas vc tem que gostar de frio, ok? Abçs

      Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s