A caótica Hong Kong

img_8612

Parte II

Antes de entrar em mais detalhes sobre a cidade de HK, gostaria de contar sobre um passeio que fiz na região próxima a cidade para conhecer o Buda Gigante de HK.
Gente, eu estava muito animada pra conhecer o tal buda que seria o maior buda que eu conheceria na minha viagem, mas o passeio foi uma “roubada” imensa.
Explico: o buda realmente é lindo e enorme, a região ao redor é linda também, e tem uma boa infraestrutura turística, mas o dia que estava só fechado pela manhã, virou uma tempestade tropical de molhar até os ossos!
Tivemos somente dois dias de chuva em 30 dias de viagem, então, não dá nem pra reclamar do clima, né? Mas um dos dois dias, foi o dia do buda e realmente prejudicou muito nossas fotos.

Mas, vou contar assim mesmo.

Saímos cedo em direção à um povoado pesqueiro típico dos arredores de HK, e pra minha surpresa, encontramos uma vila lindinha, onde a vida passa devagar e onde as pessoas tem tempo pra sentar e conversar.

181e27ea-4f92-42f2-ac75-1e80e4320dd4

A vila, se esparrama ao redor de uma única rua que tem um comércio forte de pescados, frescos e secos. Curiosamente eles tem alguns pescados muito diferentes dos nossos, uns “bichos estranhos” tipo “lulas gigantes e caramujos mal encarados, que apesar de serem limpos e frescos, não me animaram muito a experimentar, não. Também devo acrescentar que sou medrosa no que se refere a me arriscar com comidas sem procedência garantida.

Mas a vila é muito charmosa, e seus habitantes muito simpáticos estão acostumados ao afluxo de turistas e recebem bem. Oferecem tudo pra você experimentar, e se você gostar de se arriscar, acaba por sair de lá com a barriga cheia.

Foi nesta pequena vila que tive pela primeira vez a experiência de usar banheiro de cócoras. Gente, foi muito estranho, mas como estava tudo limpinho, não foi ruim.

a7966871-ab5c-47e5-b990-77e90f832dc9

Depois da vila, partimos para o buda gigante e as nuvens ficaram mais pesadas. Quando chegamos no buda, o vento quase não nos deixava caminharmos de pé. A chuva e a neblina encobriam tudo, porque o buda fica no alto de uma montanha.

Mas mesmo assim, ele era majestoso e fiquei alguns minutos ( não muito, claro), parada contemplando-o. O buda fica como disse em cima de uma montanha que você pode chegar de carro, mas na frente dele, há uma escadaria enorme, que imagino nos dias de sol deve ser uma escalada inspiradora.

Dentro do buda há um pequeno museu com uma interessante mostra de religião e história. Talvez eu tenha achado mais interessante do que é na verdade porque era o abrigo que precisávamos para fugir um pouco da tempestade.

Como turista não perde o passeio, ainda descemos do buda para conhecer um monastério e almoçar uma refeição vegetariana com os monges. Tudo de baixo de muita chuva.

O templo budista valeu toda a chuva que pegamos, confesso. Era uma dos mais belos que visitei em toda a Ásia, e a refeição vegetariana, apesar de tumultuada por causa de muitos turistas e muita chuva estava deliciosa.
A infraestrutura existente ao redor do buda, é muito boa. Lindos jardins, lojinhas, banheiros, enfim, um ótimo programa se você estiver em HK.

É possível comprar o passeio na cidade e passar o dia na região. Vale à pena se o tempo estiver bem aberto, sem nuvens. Caso contrário você não vai poder ver o buda completamente.
Nós, depois do almoço no monastério, tivemos que enfrentar a tempestade pra voltar e até chegar ao ônibus, foi uma aventura perigosa correndo no meio de raios e trovoadas.

a33f3cf7-6fb2-4802-a1fe-7e1614e1f27c

Chegamos molhados até a alma, mas sabe? Faria tudo  outra vez! O buda é o máximo mesmo!
Bye!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s