Provence,inesquecível!

 IMG_3647

Gente, acabei de voltar da Provence e foi amor à primeira, segunda e terceira vista! Tenho tanto pra contar a respeito, que juro, não sei nem por onde começar!

img_35941

Então, resolvi dar uma “geral” sobre a região, e depois com calma, em outros posts, detalhar cidades e/ou lugares específicos onde há a necessidade de entrar com mais detalhes. Combinado? Assim temos espaço suficiente para falar de outros destinos, como Berlin que visitei também e não corremos o risco de só falar da Provence, que na verdade é minha vontade kkkkkkkk!

vd_mapa_Provence-Alpes-Cote-D'Azur

A Provence, é uma região do sul da França, que fica entre os alpes franceses e o litoral, a chamada Riviera Francesa ou Cote d’azur.  É uma região com uma luz tão especial que encantou os pintores impressionistas como Cèzame, Van Gogh e Picasso, que lá viveram, amaram e pintaram muito.  Não é uma área muito grande e você pode percorre-la de carro facilmente. Difícil escolher qual cidade ou região é mais bonita, mas a Provence característica, fica no interior, e o litoral concentra as cidades maiores e mais desinibidas.

marselha

Ficamos 9 dias na Provence, isso porque não era nossa primeira vez na região. Já havíamos conhecido Marselha, a maior cidade da região, e que toma bastante tempo e a Cote d’Azur até Mônaco. Então, pudemos dedicar esses 9 dias ao interior e descobrir tantos tesouros ali escondidos que normalmente não são destinos preferidos de brasileiros o que é uma pena, porque gente;….. é maravilhoso!

A Provence é uma região cheia surpresas contrastantes, o litoral que oficialmente não faz parte mas é muito colado e impossível resistir, banhado pelo mar azul na riviera francesa fica chocante quando você contrasta visivelmente com os penhascos de pedras brancas que cortam dramaticamente todo o contorno litorâneo desenhando fiords brancos e azuis.

Já no interior, você pode perder o fôlego contemplando os campos de lavanda, ou de girassóis, além de se embrenhar pelas cidades medievais que parecem paradas no tempo. Ou você pode observar a história da igreja católica em Avignon, ou ver o show de tecnologia da Carrier de la Lumiere ou ainda se perder nas aguas verdes esmeralda do parque de Verdon. Então, como você pode ver, é só uma questão de escolher o tema do dia, tipo de estrada e a direção.  A paisagem muda conforme sua direção, e interesse. Isso sem contar os parques nacionais que são super bem preservados e a cada curva trazem uma deslumbrante surpresa!
Viu? A Provence é uma caixa de surpresas.
Mas não se engane, a Provence tem muitos segredos e é preciso entende-la para poder aprecia-la. Onde ficar, quanto ficar, como percorrê-la e como. Tudo faz parte do mistério da região e vou passar pra você “o caminho das pedras” pois é para isso que estou aqui.
Vamos começar pelo básico:

Como se deslocar!
Você vai precisar de veículo próprio para desvendar a região, e isso quer dizer alugar carro ou moto. Ou motor home, se for sua praia.  Não há um sistema moderno disponível de transporte público na região. Até existem trens entre as cidades grandes, como Marselha, Nice, Cannes etc, mas no interior mesmo, só por conta própria.

E você vai precisar de um GPS, porque a Provence não é bem sinalizada nas estradas do interior. Nas auto-pistas, com um mapa, você até pode “se virar”, mas é nas estradinhas que você encontra as maiores e melhores surpresas.
A região conta com alguns parques nacionais (no futuro falaremos deles) onde a gente passa o dia subindo e descendo colinas, com uma paisagem deslumbrante, mas sem um gps, é possível você não achar a mais o caminho de volta.

img_3553

Nós escolhemos Aix em Provence pra ficar, pq é uma cidade média (pra região) com razoável infraestrutura e o principal: central na região.
A cidade mais distante que conhecemos, saindo de Aix, ficava a 80 km, então era muito confortável percorrer e conhecer a região. Cada dia, escolhíamos uma direção, e saíamos para a aventura! Aix em Provence foi uma escolha acertadíssima e uma linda surpresa.
O maior aeroporto da região é em Marselha, então você pode voar até lá e alugar um veículo lá mesmo. Ou melhor, você precisa, se quiser conhecer a Provence que vou te mostrar!
Ok, mas alugar um carro, não é o suficiente, você ainda vai precisar aprender a andar pelas rodovias de alta velocidades que permeiam as estradinhas do interior.
As autopistas da Provence, cobram pedágio, então repare-se com moedas e/ou dinheiro trocado. E pra complicar, os pedágios não são todos iguais, o que gera um certo pânico, pode acreditar, por isso tirei fotos para facilitar sua vida.
Funciona assim:
Basicamente, o tipo mais comum de pedágio é aquele que você chega, depois de sair de uma estrada pequena. Nesse caso, o pedágio não é logo na entrada, você percorre uns bons km antes de chegar a ele.

img_1559

Quando você chega na área de pedágio, ela se abre ( da um frio na barriga) e você segue para a baia onde tem um T grande aceso. Cuidado porque existem baias com T menor onde passam os carros que tem tipo “via fácil”, que não é seu caso.
Você para na cancela e espera. O cartão sai AUTOMATICAMENTE! Você não precisa apertar o botão vermelho ao lado. Esse botão é para pedir ajuda se tiver problemas.
Obviamente que apertamos o botão vermelho até descobrir que não era necessário, e sempre ouvíamos uma voz falando francês que ignorávamos kkkkkkkkk
Bom, depois de pegar seu cartão,  você roda até o próximo ou até sair da rodovia. E aí sim, o pedágio fica logo pertinho da saída.
Aí você coloca o cartão, e espera o valor que a máquina mostra, paga com moedas ou notas e pega o troco se for o caso.
Simples assim. Sem cobradores ou alguém pra ajudar.

Outro tipo de pedágio, é o de tarifa fixa. Nesse pedágio você chega sem ter um cartão, para na cancela e a máquina mostra o preço. Você então joga as moedas ( só moedas) num tipo de cestinha, e pega o troco se for o caso.
Quando você se aproximar desse tipo de pedágio, procure as baias onde aparecem as cestinhas coletoras ao invés de Ts.
Com essas informações, você vai circular tranquilamente pela Provence, e vai poder deliciar-se com um cenário encantador.

b6907fa6-de07-4d4d-9c02-d85755107ffd

Bye!

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s