Madri, o coração da Espanha!

egali-intercambio-madri-01

Então hoje e no próximo post vamos falar de Madri, a capital cultural e um dos idiomas mais falados no planeta. Mas vamos sair do lugar comum, quero apresentar pra vocês uma cidade interessante que não é tão receptiva ao turista à primeira vista.
Não é muito comum encontrarmos turistas “sonhando” conhecer Madri. Na maioria das vezes, as pessoas, vão a um congresso, um curso, ou à outro destino e aproveitam para passar por Madri. Turistas tem mais vontade de conhecer Barcelona, que é muito mais festiva, e alegre, mas não caia nessa cilada.
A capital da Espanha é muito bonita, tem uma culinária rica, e atrações incríveis.

dicas-madri

Centro intelectual e político de um vasto império, pilar da fé católica, de onde partiram as ordens de uma inquisição fanática, da supressão de identidades regionais, como bascos, galegos e catalães. É exatamente esse rico passado e controverso que fez Madri, uma cidade tão diversa e interessante.
A Espanha é um país com muitas diferenças regionais e sua capital tem um pouco de cada região. Em comum, você vai encontrar o espírito “caliente” espanhol, que também está presente em Madri.

14

É em Madri que mora a família real espanhola, então, você já sabe que vai encontrar palácios e muito luxo e até mesmo uma certa formalidade, que contrasta com o espírito mais rústico dos espanhóis.
Sim, meu caro amigo leitor, não vou falar só coisas boas sobre Madri, até porque, não seria coerente com minha proposta, então se você decidir visitar a cidade, prepare-se para enfrentar um pouco de rudeza beirando a grosseria. Sinto muito, mas foi o que senti, quando visitei a cidade. Os madrilenhos não são exatamente gentis e os garçons em especial são rudes.

1348574023_950325_1348655813_album_normal

Quando você sentar para fazer uma refeição, num restaurante escolha no menu, sua opção antes de chamar o garçom, caso contrário ele pode virar as costas e deixar você falando sozinho, no mínimo! Vai por mim!
Outro detalhe desagradável, pelo menos pra mim, é a tal da “siesta”. O comércio inteiro fecha  pra dormir durante quase a tarde inteira, e isso é muito chato pra você que está batendo pernas na rua turistando.
Ok, pronto falei. Mas apesar de tudo, ainda digo que Madri é linda e vale à pena.
Quer saber um bom motivo? Os museus!
Madri tem museus maravilhosos, mas em dois deles, o Prado e o Reina Sofia, me emocionei como em nenhum outro no mundo!

O museu de Prado é um deslumbre! Recheado de obras primas, daquelas que você viu nos livros de história, e com coleções de pintores franceses, italianos e obviamente os fantásticos espanhóis ( Rubens, Velasques e Goya). Reserve um dia inteiro, porque você não vai mais querer ir embora.

O Museu Nacional Centro de Artes Reina Sofia ( rainha Sofia), é moderno e vibrante. Nele você poderá apreciar entre muitas obras primas, as telas de Miró, Dalí e principalmente Picasso.
Ficar frente à frente com Guernica, a tela (quase um painel) em que Picasso pintou a guerra, é arrepiante!  O Reina Sofia é menor que o Prado, então, você não vai precisar de um dia inteiro, mas o melhor de tudo ainda é saber que aos domingos, a entrada dos museus é grátis! Sério, mesmo que você não seja muito ligado em museus, não perca a oportunidade! Pelo menos reserve um domingo para visitar esses dois incríveis museus.
Neste post, ainda vamos falar sobre a gastronomia espanhola, que é rica em sabores e com uma personalidade única.
São muitos os sabores que você encontrará em Madri, como os Tapas, uma espécie de petiscos que eles comem muito no “Happy Hour” ( claro que lá não chamam assim), andando de bar em bar. Cada bar, oferece Tapas diferentes, e é um costume madrilenho trocar de point várias vezes durante a noite.

Outro hábito culinário em Madri é comer Jamon (presunto) com melão de entrada nas refeições, aliás, existe até museu do Jamon, para os que amam a iguaria.  Em Madri tabém está o restaurante dito como “o mais antigo do mundo em atividade”, El Botin . Com 290 anos, o Botin serve um leitãozinho delicioso.

Mas o mais delicioso em Madri, é o habito de tomar pela manhã, chocolate quente com churros. Já falei sobre isso num post sobre delícias no mundo, mas posso repetir sem nenhum problema que o chocolate é aveludado e cremoso e faz par perfeito e inesquecível com o churro bem sequinho.  Você toma de manhã cedo, de pé em qualquer bar de Madri e é uma bomba de sabor.
No próximo post, continuaremos a falar de Madri, que não é muito gentil, mas vale muito à pena!
Bye!

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s