Vamos à Portugal, pois!

DSC03567

Parte III

Porto

Chegamos finalmente à Cidade do Porto, pra mim, de todas as cidades de Portugal, a mais legal, a mais pulsante e animada.  Lisboetas e fãs, não me levem a mal, gosto muito de Lisboa, e sua história é inesquecível mas o Porto é o máximo! Tem história também, monumentos e arquitetura deslumbrantes, um centro histórico que é Patrimônio da Humanidade mas vai além: a renomada universidade atrai jovens do mundo todo, trazendo junto um clima alegre e despojado. O famoso vinho do Porto atrai gente que gosta de viver e curtir a vida, a vocação ao turismo acabou por proporcionar uma infraestrutura muito boa com passeios para os mais variados gostos, cruzeiros pelo rio Douro e visitas as mais tradicionais vinícolas.

DSC03712

Então, situada às margens do rio Douro, a linda cidade do Porto é como já disse Patrimônio da Humanidade, deu nome a um dos mais famosos vinhos do planeta e enriqueceu graças ao comércio da bebida. A cidade é conhecida por suas pontes, são 6 ao todo , e a mais bonita de todas é a Ponte Luis I que liga o Porto à Vila nova de Gaia.
Minha primeira dica na cidade é: se você acabou de chegar ao Porto, pegue o Sightseeing (aquele ônibus de turismo vermelho), e dê uma geral na cidade. É a melhor maneira de você descobrir quais atrações você quer conhecer melhor.

Aliás, essa é uma boa dica para turistas em geral: se você chegar à uma cidade e não sabe bem o que tem pra ver, pegue o Sightseeing.  Os ônibus de turismo que para em todos os pontos turísticos e permitem que você suba e desça sempre que quiser, são uma maneira fácil de você se situar.
Você pode se hospedar em qualquer bairro na rota do Sightseeing, assim não precisará de outro meio de transporte para se locomover na cidade, que apesar de ser possível percorrer à pé, se levarmos em conta as distâncias, fica impossível quando se olha as inclinações das ladeiras.

Lembre-se o Porto fica nas encostas do rio Douro, e isso significa que o rio fica lá embaixo e a cidade nas encostas. Pode confiar, as ladeiras são incríveis e difíceis. E você vai andar por elas o tempo todo.

Outro detalhe que preciso lembrar, as maravilhosas fotos do Porto são tiradas do outro lado do Douro, na Vila nova de Gaia, onde se encontram as caves de vinho do Porto, então, se você quiser tirar aquelas fotos lindas, tem que atravessar o Douro. Mas não se preocupe, você vai cruzar o Douro muitas vezes enquanto estiver na cidade. E pelo menos uma vez, atravesse à pé pela ponte Luis I, vale à pena.
Sobre as atrações, do Porto, vou somente citar o que você “tem que ver”, para não se arrepender depois, ok?
-Visita às caves em Vila Nova de Gaia
-Catedral ou Sé
-Torre dos Clérigos
-Casa da Música
-Estação de São Bento
-Livraria Lelos
-Ponte Luis I
-Zona Ribeirinha

DSC03571

Além disso, é necessário explicar que o bairro da ribeira (ou zona ribeirinha), é a parte da cidade do Porto, que fica ao nível do Douro, que no passado foi um lugar frequentado por portuários, mas hoje em dia, foi totalmente revitalizada, com muitos bares e restaurantes que fazem a festa dos turistas. E se você quiser comer um bacalhau divino, procure o restaurante na ribeira que fica dentro de um container, a beira do Douro, é uma experiência inesquecível!
O Porto é uma cidade para visitar em 2 ou 3 dias, mas se você quiser conhecer os vinhedos no vale do Douro ou melhor ainda, fazer um cruzeiro pelo rio, vai precisar de 4 dias.

Minha dica é alugar um carro no Porto e partir em direção ao norte, para conhecer Braga, Pontes de Lima, Barcelos e Guimarães. São lindas cidades que ficam pertinho ( a mais distante, Pontes de Lima, fica a 84 Km) e merecem uma visita ou pelo menos uma passadinha e Guimarães precisa de 1 dia inteiro.

Guimarães foi o “berço” de Portugal, onde tudo começou e a sua primeira capital. Seu centro histórico é Patrimônio Cultural da Humanidade, e é imperdível. Visite com calma, andando pelas suas ruazinhas e becos e almoce em um dos seus restaurantes, garanto que não vai se arrepender.
Reserve a tarde para visitar o castelo de Guimarães, que foi cenário de muitas batalhas, e onde nasceu o primeiro rei de Portugal D. Afonso Henriques. O castelo que tinha a função de proteção, depois foi usado como cadeia, hoje em dia aberto à visitação, está muito bem conservado e é uma ótimo programa.
Depois de conhecer o Porto e suas redondezas, podemos considerar que você já tem uma boa ideia de Portugal, um país apaixonante e único. Onde você se sente em casa e é tratado com muita simpatia e gentileza. Onde você come divinamente , saboreia os melhores doces do planeta e o que é mais importante, onde falam a sua língua!

Então, não fique na dúvida por onde começar a conhecer a Europa, Portugal é demais, não perca tempo.
Bye!

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s