A sedutora Amsterdã!

IMG_5027

Impossível não se apaixonar pela capital da Holanda! É uma cidade extraordinária, com seus canais, cultura, vida noturna, museus e parques.
Romântica, tolerante, diversificada, moderna, urbana, civilizada….. enfim, inevitavelmente  encantadora.
Amsterdã, já foi meu destino algumas vezes, e sempre me surpreende e deslumbra.
Se você tem vontade de conhecê-la, aproveite para ir na primavera, entre março e maio, pois vai encontrar a cidade toda florida, no seu melhor estilo.
Vamos as informações práticas sobre a cidade:

Como se deslocar.

O centro da cidade é pequeno e fácil de ser percorrido à pé, portanto você não vai precisar de carro para se deslocar. Na verdade, você nem deve tentar andar de carro no centro, porque o transito é difícil, com pouco espaço por causa dos canais e piorado com a presença maciça de bicicletas.

IMG_4904

Então, se você chegar à cidade de carro, vai precisar achar logo um estacionamento e prepare-se para pagar muito, por ele. O motivo parece óbvio: Amsterdã, fica abaixo do nível do mar ( em inglês: Netherlands), logo, os estacionamentos subterrâneos tão comuns na Europa, são raríssimos, e caros.
Importante lembrar também, que mesmo à pé, você deve tomar cuidado com o transito das bicicletas, são muitas e rápidas. Constantemente a gente esquece delas, e os holandeses buzinam pra valer! As calçadas são divididas em faixas para pedestres e bicicletas, e os semáforos também tem luzes separadas, então, fique atento.

Melhor época

Amsterdã é gelada e para piorar tem um vento constante, então, se você não gosta de frio, fuja do inverno (novembro, dezembro e janeiro). A melhor época para visitar a cidade é na primavera, mais especificamente de 15 de março e 15 de maio, porque neste 2 meses, o Keukenhof, o mais lindo jardim de tulipas do mundo, está aberto à visitação.

Onde ficar

amsterdam-turistico

Amsterdã, possui um anel central, onde se encontram quase todas as atrações interessantes, então procure na internet (www.booking.com.br), um hotel ou apartamento que caiba no seu orçamento. Não é barato se hospedar na cidade, e muito menos no anel central, mas acredite, vale à pena investir na localização. É importante também prestar atenção, nas avaliações dos hóspedes, pois existem muitos hotéis velhos e com quartos apertadíssimos. Por outro lado, você não precisa se preocupar com a segurança, nem no bairro da luz vermelha, porque Amsterdã é muito segura.

Atrações

Você pode escolher museus à vontade, existem muitos, e são todos interessantíssimos, completos, com acervo maravilhoso e mesmo que não seja a sua praia, escolha pelo menos 1 deles e curta: Rijksmuseum, Van Gogh museum, Stedelik museum, a casa de Rembradt e claro, a casa de Anne Frank. Qualquer um deles será um programão!
Além dos museus, Amsterdã, tem outros programas interessantes no centro, como a visita à fábrica da Heineken e a fábrica de diamantes Gassan, as duas são  chamadas de “experiência”.

IMG_4866

A praça central, chamada Dam , é rodeada por monumentos históricos, o palácio real, o obelisco em homenagem aos mortos da segunda guerra e o museu de cera Madame  Tussauds. Todos valem o ingresso, e os lindos canais de Amsterdã, merecem um tour de barco, mesmo que seja um lugar comum, porque é muito romântico e uma boa oportunidade para descansar seus pés.
Ainda no centro você pode visitar o Vondelpark, o mercado das flores e claro, O Red Light District!
Este último, um famoso bairro da luz vermelha que ao anoitecer acende suas vitrines com lindas moças oferecendo-se em performances sensuais ao público em geral. Tudo civilizadíssimo e moderno. Você pode circular sem nenhum problema, desde que não queira fotografar. As moças não permitem fotografias.

Keukenhof

Deixei o lindo parque por último, porque você vai precisar de 1 dia inteiro para visita-lo.  O parque fica a 41 km de Amsterdã, e você pode comprar uma excursão para visita-lo, em qualquer posto de informações turísticas, ou hotéis. Quando você compra a excursão, eles mostram o ponto de encontro, que é muito importante, levam você em ônibus confortável até o parque em mais ou menos 1 hora, e lá chegando facilitam seu acesso fornecendo os ingressos.
Se você estiver de carro e quiser ir por conta própria, pode comprar os ingressos na internet facilmente ou mesmo comprar lá, na hora. Existe muitos estacionamentos ao redor do parque e você não terá dificuldade para deixar seu carro.

O Keukenhof é o maior e mais lindo parque de tulipas do mundo. Ele é fixo e temático. Todo ano os holandeses planejam um novo tema que orienta a plantação dos bulbos nos canteiros, logo, a cada ano o parque parece totalmente diferente.
As tulipas florescem entre março e maio, estando em seu maior esplendor no mês de abril.   O parque abre em 15 de março e fecha em 15 de maio, quando as tulipas são cortadas e os bulbos replantados para o próximo ano.
A florada das tulipas é um espetáculo indescritível e inesquecível, portanto se você puder escolher a época de sua viagem à Holanda, vá na primavera.
A gente não sai a mesma pessoa do Keukenhof, ninguém fica indiferente à tanta beleza!

Embarque para a Holanda, as tulipas estão lá esperando!

Bye!

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s