Com que mala eu vou?

MALA-BRASIL

Nesta semana saí para comprar malas novas e com as muitas opções existentes no mercado, de repente me dei conta que um turista sem experiência teria muitas dúvidas e valeria a pena darmos uma parada na série Lugares Diferentes, para tentar ajudar nesse assunto tão importante.
Parece óbvio mas preciso pontuar que escrevo aqui sobre minha experiência e gosto pessoal, sem que isso signifique necessariamente que seja o certo. Meu cuidado é principalmente dar conselhos ou dicas práticas que possam ajudar você, leitor amigo.
Então vamos lá!
Bom, existem no comércio basicamente dois tipos de malas de viagem: as duras, geralmente de policarbonato, que abrem no meio ( são lindas e coloridas), e as moles, geralmente de nylon, que abrem em cima formando uma caixa (ou gaveta).
Observação importante: não existe mala que resista a muitas viagens internacionais. Jogam sua mala nos aeroportos, sem dó ou piedade, portanto, se você tiver sorte, elas estarão danificadas ou inseguras para uso depois de + ou – 5 viagens. Ao contrário, se você não tiver sorte, elas serão danificadas já na primeira. O que nos leva a uma conclusão libertadora: não vale a pena pagar uma fortuna por uma mala de marca famosa! Elas serão danificadas da mesma maneira que as baratas e você precisará comprar novamente.
Agora vou listar alguns detalhes na escolha da mala que fazem toda a diferença pra mim:

  • Rodinhas nas quatro pontas, que girem 360º, são importantes, pois facilitam meu deslocamento, possibilitando que eu a empurre de pé, sem ter que puxar inclinada, arcando com o peso.
  • Dê preferência aquela de cor bem diferente! Não fique sem graça, escolha estampas ou cores chamativas que sejam facilmente localizadas na esteira do aeroporto, e acredite, você vai ficar feliz quando descobrir que a sua mala não é preta como as outras trezentas que rodam nela.
  • Procure uma mala que venha com o cadeado internacional (TSA). É mais caro obviamente, mas evita que “estourem” sua mala no aeroporto se desconfiarem de algo dentro dela. A alfândega e policia federal, tem chave especial para abrir esse cadeado se houver necessidade. Além do mais, como o TSA tem segredo, você pode usar a mala como cofre, em hotéis onde não exista um. Se você não quiser investir no TSA, pelo menos compre uma mala em que o cadeado esteja fixado, evitando assim que o fecho corra livremente ao redor da mala.
  • Eu prefiro as malas que abrem por cima, de nylon, às duras que abrem ao meio, porque acho mais fácil usar todos os espaços arrumando a mala como uma gaveta. Aproveito todos os cantinhos com peças pequenas e encaixo minhas “tralhas” de maneira que caiba tudo. Ao contrário, na mala que abre ao meio, e você precisa arrumar os dois lados para depois junta-los e fechar. Também costumo viajar de carro e trocar de hotel em poucos dias me obriga a manter as roupas dentro da mala, então se eu tiver uma mala com tampa, posso deixa-la no maleiro do quarto, e tirar somente a roupa que vou precisar. Ao contrário da mala de duas metades, que precisará ser abertas na cama para dar acesso as roupas.
  • As malas de tecido, embora pareçam mais fracas do que as duras, são mais resistentes a danos, tendo geralmente seu ponto fraco no fecho, que pode facilmente ser trocado. Já as malas duras, quando quebradas, não tem mais conserto.

Além disso, lembre-se de outro detalhe importante: você vai carregar sua mala! Então, quando for comprar sua mala grande, pense que quando ela estiver cheia, vai pesar muito, e mesmo que você respeite os limites de peso para cada passageiro (eles são bem rígidos), ainda será você quem vai carregar, ok?
Eu compro sempre mala média, pois mesmo que precise enche-la bastante, dificilmente ultrapasso o peso estabelecido e posso sozinha suspendê-la, e carrega-la. Além de ser mais facilmente acomodada nos bagageiros dos carros alugados, se for o caso.
Ainda precisamos falar sobre como fazer uma mala de maneira prática, assunto que também tem segredos, mas esse, fica para um próximo post.
Bye

 

 

 

 

Um comentário sobre “Com que mala eu vou?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s